Oito perguntas a…

Melanie Backhausen, especialista em turismo

Estou visitando Goslar: o que não posso deixar de ver?

O maravilhoso trio de patrimônios: o lindo centro histórico com suas vielas tranquilas e estreitas; a mina de Rammelsberg, e o sistema de gestão hídrica do Alto Harz, em uma incrível paisagem natural.

Do que o senhor mais gosta aqui?

As muitas casas em enxaimel bem conservadas e repletas de detalhes, e as envolventes vielas, nas quais sempre existe algo novo para se descobrir.

O senhor tem alguma dica especial?

O centro histórico visto da torre norte da Igreja do Mercado, dedicada a São Cosme e São Damião.

O que mais a impressionou na sua primeira visita?

A linda paisagem da cidade e a natureza a seu redor.

Qual é a melhor forma de conhecer o lugar?

Todas as épocas têm sua atração, mas a minha preferida é o outono, para fazer caminhadas pelos arredores de Goslar, como explorar o sistema de gestão hídrica do Alto Harz.

O que mais deve ser visitado aqui?

Durante o período do Advento, que são as quatro semanas antes do Natal, você não pode perder a incomparável floresta natalina da nossa feira de Natal.

As visitas aos patrimônios dão fome. Qual especialidade regional deve ser experimentada sem falta?

Minha dica é experimentar o queijo típico da região do Harz com pão e banha, acompanhado de mostarda ou cebola.

Que outro Patrimônio da Humanidade você gostaria de visitar?

O centro histórico de Regensburg.

Melanie Backhausen

nasceu e cresceu em Celle, próximo a Hannover, no norte da Alemanha.

Durante sua formação em Hotelaria, esteve na Suíça e no Canadá. Desde 2010, trabalha em Goslar e, desde 2012, é responsável pela Secretaria de Turismo da cidade.