Oito perguntas a…

Karl-Josef Krötz, Chefe do Ratskeller de Bremen

Estou visitando Bremen: o que não posso deixar de ver?

O Ratskeller. É o lado gastronômico da prefeitura de Bremen.

Do que você mais gosta aqui?

A Sala do Tesouro, que possui a maior seleção do mundo de vinhos alemães.

Você tem alguma dica especial?

As adegas Rosekeller e Apostelkeller, pois nelas estão guardados os mais velhos barris de vinho da Alemanha, o mais velho é do ano 1653.

O que mais o impressionou na sua primeira visita?

A enorme seleção de vinhos alemães de qualidade, aliada ao cuidado no cultivo de vinho desde a construção da prefeitura, em 1405.

Como conhecer melhor este lugar?

O ideal é fazer uma visita guiada. Dessa forma, consegue-se ter uma ideia melhor da história dos mais de 600 anos da prefeitura. Com um guia pela adega do porão da prefeitura, o visitante conhece a maior seleção do mundo de vinhos alemães e os barris antigos.

O que mais devo visitar aqui?

O átrio na parte superior da prefeitura, que possui modelos de barcos com detalhes fiéis do período hanseático, e a impressionante Câmara de Ouro (Güldenkammer).

Visitar patrimônios dá fome. Que especialidade regional não posso deixar de experimentar?

Bremen tem especialidades interessantes, como labskaus, prato de carne bovina, e knipp, um embutido feito com diferentes carnes e aveia ou cevada. No frio, é a época de couve verde e pinkel, que é semelhante ao knipp. Além desses pratos, temos Kükenragout, o cozido típico de Bremen feito com pintinhos de até um mês, outras carnes e verduras. Combinado com o vinho certo da adega da prefeitura, é um deleite culinário.

E qual patrimônio da humanidade você gostaria de visitar?

A fantástica Residência de Würzburg e sua vinícola estadual Hofkeller.

Karl-Josef Krötz

Karl-Josef Krötz chefia a adega de 600 anos que se encontra embaixo da prefeitura de Bremen.

O engenheiro especializado em vinhos nasceu na região vinícola do rio Mosela, a mais antiga da Alemanha. Krötz administra a adega de vinhos do Ratskeller, que fica 4 metros abaixo do solo e guarda vinhos alemães incríveis de diversas safras.